Como Calcular Simples Nacional 2024

Antes de mais nada, é preciso ter em mente que para fazer o cálculo do Simples Nacional, na verdade o que ocorre é que é usada uma tabela com base no faturamento e na categoria que aquela empresa atua. Apesar de ser um dos regimes tributários mais conhecidos e procurados, todos empresários não sabem como é calculado o Simples Nacional, é totalmente compreensível para qualquer um não é o domínio contábil.

Porém, conhecer as particularidades dessa cobrança é essencial para uma boa gestão financeira da empresa. Isso porque caso o Simples Nacional não seja pago dentro do prazo, por exemplo, a empresa contará com diversos problemas e ficará bloqueada de fazer certas transações, o que pode afetar a empresa drasticamente.

calcular-simples-nacional

O que é Simples Nacional?

Trata-se de um sistema tributário criado para atender micro e pequenas empresas e facilitar o recolhimento de seus impostos. Em uma única guia, a DAS, nela é possível recolher 8 tributos diferentes, incluindo ICMS e ISS. Mas para integrar, é preciso respeitar algumas, uma delas diz respeito à receita anual, que não pode ultrapassar R$ 4,8 milhões.

Com relação ao referente ao cálculo do Simples Nacional para se chegar ao valor a ser recolhido, é necessário considerar os rendimentos acumulados pela empresa nos últimos meses e consultar a tabela do Simples para consultar a taxa. E quando o negócio está no primeiro ano de funcionamento, faz as contas? O que mais você precisa considerar para descobrir quem precisa ser pago?

Como-calcular-o-novo-Simples-Nacional

Cálculo do Simples Nacional

O cálculo do Simples Nacional tem como base o valor bruto anual da empresa, ou seja, o valor que a empresa ganhou nos últimos 12 meses. O valor contributivo deste imposto varia de acordo com o faturamento, aumentando proporcionalmente.

Confira:  Simples Nacional - Tabela, Boleto

Como calcular o Simples Nacional para uma nova empresa? Como você viu até presente, uma das bases de cálculo do Simples Nacional é o faturamento bruto da empresa, ou seja, seu valor negócios dos últimos 12 meses. Mas como chegar nesse valor quando a empresa tem ou não muita disponibilidade? Neste caso, será considerada a renda bruta proporcional.

Então, a fórmula de cálculo do Simples Nacional está aí e segue os passos que acabamos de citar. O que muda é a forma de definir o que deve ser feito da seguinte forma: no 1º mês de atividade: multiplicar o faturamento mensal por 12; empresas com menos de 12 meses de atividade: considere a média de cada mês e multiplique por 12, pois x 12 = receita total

Cálculo proporcional do Simples Nacional

O cálculo do rateio do Simples Nacional refere-se à renda bruta proporcional que acabamos de explicar.

A este propósito, é importante estar atento aos seguintes pontos: o início da atividade de uma empresa é como o momento da sua primeira operação que implica uma alteração do seu capital, efetuada brevemente a sua constituição e integração do capital social; quando a empresa inicia suas atividades no mesmo ano da opção Simples Nacional, é fornecido o limite de faturamento, levando em consideração o número de meses de exercício e considerando as frações; nos casos em que o início da atividade seja anterior ao ano calendário da opção do regime tributário, é necessário considerar a média aritmética mencionada acima para o cálculo do Simples Nacional.

Através disso, você consegue calcular a sua alíquota e fazer o pagamento do seu Simples Nacional sem surpresas.

Confira:  DAS Simples Nacional

simples-nacional-calculo

Alíquota do ISS Simples Nacional

O ISS, Imposto Sobre Serviço, é um imposto municipal cobrado sobre a prestação de serviços. Sua base de cálculo é o valor do serviço e a taxa definida por cada prefeitura, que pode ficar entre 2% e 5%. No Simples Nacional, o valor do ISS também está incluso na forma de pagamento único, o DAS. O valor a ser faturado neste plano varia de acordo com a natureza do serviço prestado.

Portanto, o cálculo do ISS no Simples Nacional será realizado da seguinte forma: encontre o valor bruto de da sua empresa nos últimos 12 meses; multiplique esse valor pela alíquota indicada no anexo do Simples Nacional correspondente ao seu ramo de atividade; subtrair da parcela dedutível, também identificada no anexo; divida o valor encontrado pela receita bruta pela taxa efetiva; identificada a alíquota efetiva, basta multiplicar pelo percentual de ISS mencionado na tabela de detalhamento do mesmo anexo.

Vale lembrar que será cobrada uma alíquota de ISS, devido aos serviços prestados. Todos esses valores e percentuais, bem como o cálculo do faturamento do mês, devem ser aplicados em a fórmula RBT12 para chegar ao valor do Simples Nacional no mês.

Depois de ter conseguido calcular o Simples Nacional, muitos se sentem capazes de chegar aos valores sem a ajuda de um contador. Isso é bom, porém deve-se considerar que ruim pode levar a maus pagamentos de impostos, tanto a mais quanto a menos, isso o que leva a uma série com os órgãos competentes. Portanto, é altamente recomendável ter suporte de contabilidade.

 



O conteúdo desse site é meramente informativo e foi retirado de outras fontes na internet, você deve sempre conferir as leis vigentes e consultar um contador de confiança.
Comente:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *